quarta-feira, 8 de julho de 2009

SOBRANCELHAS

Você me surpreendeu, não digo logo de cara mas aos poucos. Não porque era diferente mas justamente porque me mostrou que há várias maneiras de "ser igual". E o "seu igual" era entusiasmante! Gostava de te "ler"impulsivamente para saber o que viria depois, depois e depois...uma sensação entorpecedora, inebriante, da qual eu já era um dependente confesso.Vivi dias de êxtase...me tornei poeta, artista plástico, filósofo, astrônomo...a vida era intensa, em profusão!! Mas um dia, acordei e vi que suas sobrancelhas não eram iguais. Como não tinha notado isso antes? Elas definitivamente não eram iguais!Você, claro, me disse que facilmente poderia dar um jeito nisso mas eu firme disse não! Pedi finalmente que você fosse embora... Como em tudo que acontece na nossa vida, aprendi uma lição; agora já sei..."A PRÓXIMA COMEÇO PELAS SOBRANCELHAS!!"

Nenhum comentário:

Postar um comentário